"Aluguel de Chão" impulsiona regularização fundiária

Em 2015, em parceria com o Instituto Elos e o grupo Guerreiros do Progresso, foi produzido um documentário junto à aos moradores de morros da Baixada Santista. O documentário “Aluguel de Chão” surgiu depois da realização de 7 Oficinas de Documentário que o Instituto Querô realizou com os moradores dos morros da Vila Progresso, Tetéu, José Menino e Vila Charms. As filmagens começaram em novembro de 2015, e as comunidades puderam colocar em prática o que aprenderam.
O documentário aborda uma situação bem peculiar da Vila Progresso, onde a casa é própria, mas o terreno é alugado, e traz a busca compreender a situação, a partir da perspectiva das diferentes partes envolvidas e suas possíveis alternativas. Na quinta, teve uma exibição pública do curta na reunião da Promotoria Comunitária, seguida de uma roda de conversa com André Albuquerque, presidente do Terra Nova de Desenvolvimento Humano, empreendedor social especialista em regularização fundiária em áreas particulares. Ele gentilmente cedeu a apresentação que pode ser lida aqui.

DSC_0482
André Albuquerque do Terra Nova

 Além de Albuquerque, participaram da conversa Genivaldo Capela, representando o Morro do José Menino, Dona Ana, da Vila Progresso, Thais Bordim (Instituto Querô) e Thais Polydoro (Instituto Elos). A boa notícia é que deste encontro nasceu a parceria entre a Terra Nova e os moradores da Vila Progresso, que vai estabelecer novas estratégias dentro do processo de regularização do bairro.
DSC_0445
Genivaldo Capela, André Albuquerque,Thais Bordim, Dona Ana, Thais Polydoro

A Promotoria Comunitária é o espaço de articulação entre o Ministério Público e os atores da sociedade (cidadãos, governos, empresas e instituições) para provocar a discussão e encaminhamentos de soluções aos problemas destacados pela sociedade, agilizando resultados e evitando a demanda por inquéritos e processos judiciais, que acontece toda a última quinta de cada mês, no Auditório da Faculdade de Direito da Universidade Católica de Santos.
DSC_0495
As reuniões da Promotoria Comunitária são abertas para todos os cidadãos

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn

DEIXE UM COMENTÁRIO

Categorias

Arquivos