Negócio de guerreiro – Bengira

Por Julia Toro* e Mariana Felippe
Um dos objetivos do programa Guerreiros Sem Armas é capacitar os jovens participantes para empreenderem seus próprios projetos. Em novembro, falamos aqui sobre o Escola de Notícias, o negócio social do guerreiro 2009 Tony Marlon. Agora, para começar o ano com o pé direito, trazemos a história da Bengira.
A Bengira é uma empresa social idealizada e criada pela designer Julia Toro,  também guerreira 2009, que tem como proposta resignificar a indústria da moda e suas relações profissionais, através da adoção prática de valores mais inclusivos,  economicamente responsáveis e ambientalmente equilibrados. Atua na criação, desenvolvimento e comercialização de peças feitas a partir de resíduos industriais e produzidos por grupos comunitários do Estado de São Paulo.
Suas ações se estruturam a partir de quatro princípios: arte como veículo de autoconhecimento a partir do desenvolvimento do ser criador; emancipação econômica de grupos comunitários através da geração de renda e aplicação dos conceitos do comércio justo; responsabilidade ambiental com a premissa do uso de resíduos industriais como matéria-prima dos produtos e resgate cultural na valorização de técnicas do artesanato tradicional brasileiro. As áreas de atuação são: Produtos, Formação e Serviços.

Como a Bengira muda o mundo?

A Bengira acredita que a criação do mundo ideal acontece com a proposição de valores ideais, inclusivos e sustentáveis. Desse modo, fortalece a crença de que a indústria da moda pode sim ser moldada de uma outra maneira, valorizando a todos os participantes da cadeia produtiva. Acredita também que a transformação externa acontece em paralelo a transformação interna no ser. Desse modo, amarra suas crenças, pois ao passo que os indivíduos despertam sua consciência a partir do desenvolvimento de suas habilidades artísticas, propõem ativamente a adoção desses valores em produtos e em maneiras de construir esse mundo recheados de significados.

Como o GSA faz parte dessa história?

O Guerreiros Sem Armas teve um papel fundamental para que tudo isso acontecesse. No ano de 2009, Julia participou do programa sem saber ao certo o que estava por vir. Confira o relato:
“Me encantei pela proposta e senti que precisava participar. Na época, trabalhava com fotografia e figurino e nunca tinha exercido nenhuma atividade na área social, mas mesmo assim pulsava em mim uma vontade de participar. O Guerreiros Sem Armas proporcionou em mim um profundo desenvolvimento interno, resgatando valores que estavam esquecidos e despertando minha consciência para a beleza da vida. Aprendi a ver o mundo de uma maneira diferente e me posicionar nele da forma que eu gostaria. Saí do programa muito fortalecida, com uma rede maravilhosas de pessoas que queriam o mesmo que eu: construir já o mundo que eu desejo viver, de maneira divertida e natural.  Após muitas vivências e experienciações, percebi que meu caminho para construir esse mundo era através da arte. E foi aí que a Bengira começou a nascer”. Quer saber mais? Assista ao vídeo de Julia no [email protected].

Parceria com o Instituto Elos

Seguindo nas palavras de Julia…
“Após o Guerreiros Sem Armas, o Instituto Elos sempre foi um grande parceiro nesse caminho lindo que é construir dia a dia essa realidade positiva. Trabalhamos juntos em alguns projetos como o Oasis Santa Catarina e Elos no Canteiro Mais Cultura. O Elos mostrou-se um grande parceiro da Bengira ao ser o primeiro cliente e, assim, impulsionar sua criação, através da encomenda de mochilas personalizadas para o Guerreiros Sem Armas 2011. A equipe também me apoiou sempre com conselhos e dicas para uma empreendedora que nascia. Mas para mim, a parceria que temos não se limita a questões profissionais e sim, uma parceria de sonhos que se compartilham.”

Quem faz parte?

Por enquanto a Bengira se faz por Julia Toro*, designer formada em moda, especialista em Arte, Ecologia e Sustentabilidade, escorpiana, sonhadora e que acredita também que quer mudar o mundo brincando.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

DEIXE UM COMENTÁRIO

Categories

Arquivos