a rede elos possui 180 lideranças de 20 estados prontas mobilizadas para obter recursos e assistir a mais de 27.000 famílias em situação de vulnerabilidade hoje


a partir de 01 de outubro acesse a Plataforma Rede Elos em parceria com o Instituto Lojas Renner

Num primeiro momento, as histórias das contaminações pela covid-19 começaram a chegar através da nossa Rede GSA, com vários relatos da situação na Europa. O que significava um sinal alarmante em nossa direção e, de fato, quando os casos positivos se instauraram pelo Brasil, a projeção da velocidade de contaminação indicava que nos tornaríamos o epicentro da pandemia.

As previsões se tornaram verdade. Entendemos rapidamente que não era simplesmente uma questão individual acerca das tentativas de barrar o avanço do vírus, e sim, um problema de toda a sociedade. Todavia, as comunidades que vivem em situação vulnerável estavam muito mais expostas aos danos causados pela covid-19 do que qualquer grupo de risco. 

Um dado fundamental é que nem todo mundo tem condições de isolamento. Para se ter uma ideia, o DataFavela mostrou que 72% das pessoas nessas comunidades brasileiras não têm poupança para manter nem por uma semana o seu baixo padrão de vida.

Projeções dão conta de que quase 10% da população brasileira vive em “aglomerados subnormais”, que aumentaram após a recessão iniciada em 2014. O último Censo do IBGE contabilizou 6.329 favelas, em 323 municípios.

É nas favelas que vive a maior parte dos cerca de 13,5 milhões de brasileiros na extrema pobreza, que passam o mês com menos de R$ 145,00 obtidos em trabalhos precários. São estas pessoas que podem ser vetores do vírus e morrer sem condições de atendimento.

Nossa resposta foi mergulhar nas ações emergenciais para colaborar de alguma forma para diminuir os impactos da pandemia nas comunidades que temos relações históricas. Para que a gente conseguisse ser a ponte entre quem pode doar e quem precisa, criamos um método de entregas seguro e confiável, seguindo todos os protocolos de segurança. Em nome da credibilidade e transparência, o Elos foi por dois anos escolhido como uma das 100 melhores Ongs do Brasil e todas as nossas contas são auditadas externamente.

nossos resultados de abril até agosto :

depoimentos

agradecimentos

Nossos agradecimentos especiais para as empresas, fundações e movimentos que têm tornado possível todos esses resultados acumulados até agora: Família Apóia Família, Instituto Galo da Manhã, JBS, C de Cultura, SBM, DOW Brasil, Ultracargo,  Dana Cosméticos, Máscara do Bem, Projeto Máscara Para Todos, A Roca, Amora Terra, além das lideranças comunitárias e Rede do Guerreiros Sem Armas

transparência

Sabemos que quando recebemos uma doação qualquer pessoa, empresa, ou organização quer saber como esse recurso foi empregado. Além dos relatórios específicos para cada grande doação, publicamos os resultados em todas as nossas redes sociais e enviamos newsletter para informar os resultados de cada etapa.

Além disso mantemos nossa página de transparência como intuito de deixar transparente a todas que tenham interesse em saber como o ELOS planeja e executa suas atividades com o objetivo de longo prazo de criar um mundo em que todas as pessoas possam dispor de seus melhores talentos e recursos para criar um cenário de abundância que seja forte para a transformação de todo planeta.